Biketech Floripa

sábado, 20 de julho de 2013

Durante uma pedalada, você já sentiu uma dor no pulso que parece um formigamento e vai aumentando, até obrigá-lo a retirar a mão do punho (ou parar a bike) e fazer algum alongamento? Se você estiver numa situação que pode soltar a mão do punho ou parar, tudo bem. Se estiver numa situação em que não pode fazer isso, a dor pode ficar insuportável...

Esta dor já apareceu diversas vezes durante as pedaladas, normalmente nos dias frios. Para passar a dor e a sensação de formigamento, tiro uma das mãos do punho da bike, deixo o braço estendido para baixo e faço o movimento de abrir e fechar a mão repetidas vezes (conto até 20). Repito o processo com a outra mão.

Pesquisando sobre o assunto, descobri que se trata da Síndrome do Túnel do Carpo. Tem muitos links que tratam deste assunto. Por exemplo, veja a definição feita pelo dr. Dráuzio Varella:

Síndrome do túnel do carpo é uma neuropatia resultante da compressão do nervo mediano no canal do carpo, estrutura anatômica que se localiza entre a mão e o antebraço. Através desse túnel rígido, além do nervo mediano, passam os tendões flexores que são revestidos pelo tecido sinovial. Qualquer situação que aumente a pressão dentro do canal provoca compressão do nervo mediano e a síndrome do túnel do carpo.
Encontrei este depoimento bem interessante no blog V8CicloTurismo
 
"Comecei a sentir dores nas articulações dos punhos e uma irradiação de desconforto que estendia da costa até o cotovelo. Como são sintomas bem parecidos com os relatos de sindrome do túnel do carpo, pesquisei na literatura a ocorrência deste distúrbio em ciclistas e encontrei muitos estudos demonstrando essa condição em atletas e ciclistas com pouca experiência na modalidade.

A paralisia em ciclistas ocorre em taxas elevadas em ciclistas experientes e inexperientes. As medidas de prevenção para diminuir a incidência de paralisia no ciclismo devem incluir o uso de luvas, ajuste adequado da bicicleta e freqüentemente a mudança da posição da mão."
Para ajudar a evitar estas dores, segue uma imagem com uma série de exercícios:
Já sentiu estas dores? Tem alguma dica para que elas não ocorram ou, se ocorrerem, para que terminem o mais rápido possível ? Se tiver e puder escrevê-la num comentário abaixo, agradeço!

Categories:

4 comentários:

  1. Eu sentia muito essas dores, me indicaram o uso de "bar end". Já pude notar diferença, até mesmo por que você consegue manter a mão em diferentes posições. Muito bom mesmo. :)

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a dica.
    Na mountain bike uso as famosas "guampinhas", nao sei se é o "bar end" citado no comentário anterior. No meu parecer a bike perde um pouco de design original, mas ganha em conforto - principalmente por podermos relaxar na posição das mãos e corrigir posicioamento do braço.
    Lembrar que de andar sempre de forma relaxada e coluna reta.
    Na speed, que considero uma posição mais tranquila, mais relaxada, para pedalar (qdo o asfalto nao tem buraco), o segredo é pegar o guidão com várias maneiras, alterando o estilo da pegada - relaxa e ajuda muito. Na speed fica mais fácil de manter uma coluna bem posicionada. Qdo tiver buraco ou lombada, procure acompanhar o movimento brusco da bike, nao lute contra o guidão - desta forma evita a dor repentina no pulso.
    Leve em consideração que sou amador e agrônomo!! rsrrsrsrs

    ResponderExcluir