Cicle Bike Shop

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Segue oportunidade recebida hoje!

COMERCIAL PARA A FORD

"Trabalho com produção de comerciais de TV e no momento estou produzindo um comercial para a Ford, onde busco homens e mulheres que pratiquem Mountain Bike, mas precisam dar saltos e acrobacias."

Gostaria de ver se poderiam me dar algumas indicações, pois amanhã estarei fazendo um teste com os pré-selecionados.

Seguem todas as informações do trabalho:

Gravarei 2 diárias entre o dia 07/03 e 14/03 em Floripa ou Porto Alegre. 

Os cachês vão variar entre R$ 2.800,00 e R$ 5.200,00 para as duas diárias.

Neste sábado (28/02/2015) estarei fazendo um registro em vídeo com os pré-selecionados. 

. Local: Cinesupport 
. Endereço: Rodovia João Paulo, 213 - Bairro João Paulo Estarei no último estúdio que fica no final do estacionamento 
. Horário: Das 10:00 até as 20:00 pode ir em qualquer horário durante este período
. Contato no FacebookCibele Albuquerque

Enviar fotos e contato através do email: cadastrocastingplus@gmail.com

Fonte: Pra Quem Pedala
Autor: Henrique Andrade


O ciclismo de estrada é um complemento muito importante para quem quer ter desempenho no MTB. Assim como o contrário também é verdade.

Portanto, se você está enraizado na sua opinião, veja se esses argumentos podem de fazer mudar de opinião e abrir a sua cabeça

1 – Um jeito prático de ganhar velocidade na MTB

O treino de Speed é muito focado na capacidade de fazer muita força constante e por muito tempo com as pernas. Isso ajuda muito no MTB. Principalmente na hora de manter passo.

Vejam que qualquer MTBiker profissional, desde o XC até o DH, utilizam a speed como grande parte do seu treino

2 – Vá mais longe

É mais fácil e rápido percorrer grandes distâncias de Speed do que de MTB. Portanto, para uma viagem, ou pedal muito longo, speed é melhor.

3 – Speed dá menos manutenção

Por ter menos partes e ser uma máquina mais simples, principalmente em época de chuva, realizar treinos de speed farão com que vc fique menos tempo dentro de oficinas.

4 – Tradicionalismo 

Por ser um esporte mais antigo, o ciclismo de estrada oferece mais história do que o MTB. Se você gosta de estudar e entender as origens do seu esporte, o ciclismo de estrada é uma fonte inesgotável disso.

5 – Praticidade

Basta colocar uma roupa e sair de casa para treinar de Speed. Infelizmente, muita vezes temos que percorrer enormes distâncias de carro para chegar em trilhas.

Essa facilidade é uma grande vantagem, principalmente nos treinos durante a semana.

6 – Aprender a andar em grupo (minha contribuição)

Apesar de o MTB ser uma modalidade que exige muito mais técnica. Geralmente quem pratica só o MTB tem dificuldade de pedalar em grandes pelotões. Pois não esta acostumando a andar em linha absolutamente reta, nem avisar buracos, enfim… Coisa quem só acontecem e são necessárias dentro de um pelotão

7 – Estratégia de prova (minha contribuição)

O ciclismo de estrada é uma competição mais complexa do que o MTB. Uma vez que o vácuo faz uma grande diferença. Ou seja, nem sempre o mais forte vence. O que não acontece no MTB, a não ser em caso de tombo.


Portanto, aprender a competir no “xadrez” que é o ciclismo, pode te ajudar na hora de usar a cabeça nas provas de MTB.


Fonte: Pedal Nativo
por ofabioalmeida - em Além da Viagem


Salve, salve!
Foto: Site Pedal Nativo
O caminho das pedras para quem quer começar a viajar de bicicleta não é tão simples. Os gostos pessoais e os diversos tipos de roteiros e orçamentos tornam cada escolha muito individual, sem resposta fácil. Por outro lado, há muita informação equivocada, que é repassada por “especialistas” viajantes ou vendedores com pouca ou nenhuma experiência no assunto. Assim, o caminho percorrido por muitos cicloturistas acaba sendo caro e demorado, avançando na base da tentativa e erro.
Pesquisando bem, no entanto, se pode encontrar informação de qualidade, transmitida por especialistas que, além de grande experiência, têm consciência de que não há verdades absolutas neste assunto. Neste caminho, o site do Clube de Cicloturismo do Brasil oferece um extenso manual de preparação para ciclistas de primeira viagem.
Foto: Site Pedal Nativo

No mesmo caminho, o professor universitário e ciclistas André Schetino lançou, e disponibilizou gratuitamente na internet, o seu “Guia para Viajar de Bicicleta”, que já está em seu segundo volume.
São leituras extensas, mas que, interpretadas corretamente, podem facilitar e baratear bastante as primeiras viagens de ciclistas acostumados apenas a pequenos passeios. Assim, melhoram as chances de pegar gosto pela brincadeira e desbravar cada vez caminhos mais inspiradores!
Foto: Site Pedal Nativo


quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

O Valor PROMOCIONAL do 2º lote está acabando... 

Confira as datas abaixo:
2º Lote - R$180,00 por atleta até dia 28/02
3º Lote - R$200,00 por atleta até dia 31/03

Garanta sua vaga na 3ª Edição do Desafio dos Rochas de Mountain Bike na cidade mais alemã do Brasil!


INSCRIÇÕES ABERTAS SOMENTE ATÉ DIA 31/03 


ALTIMETRIA DO PERCURSO PRO - VAI ENCARAR ? :)
Esta linda camisa de Ciclismo faz parte do Kit do Atleta. JÁ GARANTIU A SUA?

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

ATENÇÃO! ÚLTIMOS DIAS PARA SE INSCREVER (até 28/Fev) e 
RESTAM POUCAS VAGAS!

COMPETIÇÃO ABERTA
ESTRADA E MOUNTAIN BIKE
HOMENAGEM A CÁSSIO DE PAIVA FREITAS

. Data: 08/03/2015
. Horário: 7 hrs
. Local: Serra do Rio do Rastro (entre Lauro Muller e Bom Jardim da Serra em SC)

Evento para Speed e MTB!


Clique aqui para ler o INFORMATIVO

Imperdível! VÁ SE PREPARANDO!


A ESTRADA MAIS ESPETACULAR DO MUNDO
SERÁ INVADIDA POR CENTENAS DE CICLISTAS. REÚNA SEUS AMIGOS E VENHA.

Vídeo sobre a eleição da Estrada da Serra do Rio do Rastro
 


Lembrando que a estrada, por questões de segurança terá o trânsito interrompido para veículos motorizados durante a competição.



- camisa de ciclista
- caramanhola
- meia de ciclista
- barra de cereal
- energético

Haverá sorteio de bicicletas e outros prêmios aos participantes.

O evento é destinado a todos os ciclistas que desejam desafiar os 24,6 km da Estrada mais
Espetacular do Mundo, e que deverão se inscrever até 28/02/2015 (sábado), exclusivamente pelo site da Sistime.

Não serão aceitas inscrições após o dia 28/02 e nem pagamento de inscrições no dia da prova.

Valores da inscrição
. R$ 100,00 até 31/12
. R$ 150,00 de 01/01 até 28/02

CLIQUE AQUI para se Inscrever

Mais informações - (47) 3422 0137 – das 13:00 às 18:30 ou no e-mail danuza@ciclismosc.com.br


ORIGEM : LAURO MÜLLER - SC
. LARGADA: ESCOLA VISCONDE DE TAUNAY – RUA ORLEANS 
. HORA: 07:00

DESTINO: BOM JARDIM DA SERRA - SC
. LOCAL: MIRANTE DA SERRA
. KM: 24,6

CLIQUE AQUI para fazer um VOO VIRTUAL sobre o percurso.



DIA – 07 de março (sab)
  - HORA – 10:00/17:00 h 
  . Retirada de Kits
  . Escola Visconde de Taunay (não é a mesma de 2014) - Rua Orleans - Centro

  - HORA – 18:00 h 
  . Palestra com o Ciclista Cássio de Paiva Freitas
  (maior escalador do país, 1º Campeão e Tri-Campeão do Tour de SC e Campeão da Volta de Portugal 1992, saiba mais clicando aqui )
  . Escola Visconde de Taunay (não é a mesma de 2014) - Rua Orleans - Centro

DIA – 08 de março (dom)
Rua Orleans - Centro

  - HORA – 06:40 h
  . Largada Categorias Feminino, Tandem, Bikes Fixas e Veterano Masculino
    (bicicletas Fixas, Tandem, Mountain Bike e Speed)

  - HORA – 06:50 h
  . Largada Categorias Masculina
    (bicicletas Mountain Bike)

  - HORA – 07:00 h
    Largada Categorias Masculina
    (bicicletas Speed)

. Evite filas ! ! !

. Chegue cedo para a retirada dos kits.

. A entrega dos kits ocorre das 10:00 às 17:00h na Escola estadual Visconde de Taunay, Rua Orleans- Centro de Lauro Müller;

. A Serra sempre reserva surpresas à todos.
  - Podemos largar em Lauro Müller com a temperatura de 30º C e chegar ao alto com a temperatura de 10º C;
  - Acesse a previsão neste link.

. Traga alguém para levar seu carro para o alto da serra ou leve um agasalho no bolso.

. Teremos 03 ônibus e 01 caminhão que após o evento fará o transporte dos atletas e bicicletas até o local de largada. Informe aos amigos e familiares que a Serra será fechada nos dois sentidos às 06:15. Não desça a Serra pedalando;

. Transite sempre pela direita da pista, mesmo que o trânsito esteja fechado, é possível haver moradores da região ainda circulando no trecho após a interdição. 

. Após 30 minutos da chegada do vencedor no alto da Serra (1º atleta, independente de categoria) o trânsito retido no alto da Serra será escoltado pela Polícia Militar Rodoviária até o pé da Serra;

. Não jogue nada sobre a pista, nada mesmo sobre a pista. Preserve nosso cartão postal.


. Facebook: Ciclismo SC
. Site da Sistime
. [Pedala Floripa] 5º Desafio da Serra do Rio do Rastro - ALOJAMENTO e ALERTA

A Serra do Rio do Rastro foi eleita a Estrada mais espetacular do Mundo








terça-feira, 24 de fevereiro de 2015


A prova estimula e promove o esporte como uma atividade segura e divertida, aproximando atletas profissionais e amadores para a troca de conhecimento. O evento é ideal tanto para quem nunca competiu, como também para aqueles que já competem. Para praticá-lo, não é preciso ter anos de preparo físico: basta apenas ter vontade de participar.



. Troféus do 1º ao 5º lugar

. Premiação em dinheiro para a Elite Pro Masculina
1º Lugar: R$ 300,00
2º Lugar: R$ 250,00
3º Lugar: R$ 200,00
4º Lugar: R$ 150,00
5º Lugar: R$ 100,00

. Premiação em dinheiro para a Elite Pro Feminina
1º Lugar: R$ 300,00
2º Lugar: R$ 200,00
3º Lugar: R$ 100,00


. Camiseta
. Barra de proteína
. Gel repositor
. Placa e número

. Pontos de hidratação
. Apoios médico / Ambulância
. Kit do atleta
. Banheiros

Sprinta - CCMTB
Facebook
1a Etapa - Joinville



Vídeo de divulgação da 1ª Etapa do Circuito Catarinense de Mountain Bike Marathon que ocorrerá dia 1º de Março em Joinville.

VEJA NA LISTAGEM ABAIXO O CALENDÁRIO COMPLETO

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015



Respostas para algumas desculpas clássicas


Estou fora de forma
Se você escolher pedalar num ritmo leve, descobrirá que andar de bicicleta não é mais cansativo que uma caminhada. Faça um teste pelo percurso do trabalho no fim de semana. Uma vez que se torne um usuário de bicicleta, você vai atingir e manter a boa forma mais facilmente.

É muito demorado.
Um ciclista comum transita a 16 km/h. Pedalar um trecho de 6km - ou menos - em áreas urbanas leva menos tempo que dirigir a mesma distância. E, para distâncias entre 6 e 10 km, o tempo é o mesmo. Para distâncias maiores, ainda assim há economia de tempo pois o exercício diário é feito durante a locomoção.

É muito longe.
Se você considera inviável pedalar para o trabalho por causa da distância, pense em pedalar até a estação de metrô/ônibus, ou até a casa de um colega para pegar carona. A bicicleta é o veículo mais eficiente num raio de até 10 km.

Não há lugar para estacionar a bicicleta.
Com um pouco de pesquisa, encontrará uma solução para estacionar sua bicicleta. Você pode:
  • guardar a bicicleta em um quarto ou almoxarifado seguro em seu trabalho;
  • usar bicicletários em prédios ou garagens vizinhos;
  • estacionar fora da empresa; neste caso, por segurança, use duas trancas.
Se sua empresa não disponibiliza bicicletário, junte-se a outros ciclistas e faça um pedido formal.

Minha bicicleta é muito velha.
Bicicletas caras atraem ladrões. Desde que a mecânica de sua velha bicicleta esteja em dia, você terá uma bicicleta boa para ir trabalhar. Leve-a a um bom mecânico ou regule-a você mesmo. A manutenção é um dos principais itens de segurança da bicicleta.


Não tenho lugar para tomar banho.
Muitos ciclistas não necessitam de banho em seu trabalho. Pedalar para o trabalho não significa pedalar esportivamente, ou seja, não precisa ter atividade com suor. Se você prefere pedalar rápido, mas não possui chuveiros em sua empresa, procure um clube ou academia próximos.

Meu trabalho exige traje social.
Alguns ciclistas pedalam com roupa social e chegam sem problemas ao trabalho. Outros optam por roupas comuns ou de ciclismo, realizando a troca após chegar ao destino. Se optar por carregar usas roupas, você pode evitar amarrotá-las enrolando as roupas em vez de dobrá-las. Ainda, pode optar por deixar algumas peças em seu trabalho e levá-las de volta no fim de semana.

E se chover?
Em época de chuvas esparsas, uma breve espera faz com que a chuva passe. Em dias muito chuvosos, uma capa de chuva e paralamas podem evitar que você se molhe.


É perigoso pedalar no trânsito.
Para iniciantes pode ser difícil começar a pedalar entre os carros. Converse sobre rotas seguras com outros ciclistas. Escolha ruas menos movimentadas. Para reduzir riscos, obedeça à sinalização e às leis de trânsito. Esteja visível, com roupas claras e seja previsível. Use capacete.

Meus colegas vão me achar ridículo.
Se alguém rir de você, é inveja! Convide-os para irem de bicicleta como você. Se nada os convence, não se preocupe. Aproveite a liberdade que você conquistou. Aos poucos ficará evidente que pedalar para o trabalho faz você mais feliz e a melhora nos seus resultados será notada.


Seguem os links para se visualizar e/ou baixar o documento fonte deste texto:

Abraços, Biker

Existem vários motivos para se pedalar: lazer (solitário ou em grupos), participar de competições, meio de transporte (ir para o trabalho, fazer compras, ...), entrar em forma (saúde), ganhar dinheiro (BikerBoy), tudo isto junto! :)

Selecionei um texto bem interessante que aborda alguns motivos para se ir pedalando para o trabalho, que encontrei no documento 'De Bicicleta para o Trabalho'. Segue o texto:

Por que você deve pedalar para o trabalho ?


Tempo
Quem pedala para o trabalho descobre que economiza tempo. Pode até ser mais rápido do que ir de carro. Além disso, o uso da bicicleta evita perder tempo preso no trânsito e à procura de vaga para estacionar. Como pedalar é um ótimo exercício, diminui a necessidade de se ter mais espaço na agenda diária para frequentar uma academia, por exemplo.


Economia
Após o investimento inicial na compra da bicicleta e dos equipamentos (tranca, capacete, luvas), pedalar passa a ser o modo mais barato de transporte na cidade. Além da economia de combustível, a manutenção de rotina custa muito menos que os gastos com um automóvel. E você mesmo pode aprender a dar conta de boa parte desta manutenção.

Boa forma e saúde
Exercitar-se é saudável - pergunte ao seu médico. Pedalar pode ser um ótimo exercício cardiovascular, além de proporcionar benefícios para a circulação e o tônus muscular de suas pernas. Andar de bicicleta é uma atividade física de baixo impacto, o que significa que é um bom exercício com baixo risco de lesões. Incluir exercícios em sua rotina diária o colocará em forma de modo mais fácil e prazeroso.


Bem estar mental
Pedalar é diversão! Andando de bicicleta o sangue é melhor bombeado para o cérebro. Ao chegar ao trabalho, uma sensação de paz e tranquilidade invade sua mente. É a endorfina atuando muito mais enquanto você se exercita.

O argumento ecológico
Bicicletas não utilizam combustíveis fósseis, não aumentam o efeito estufa, não emitem poluentes como monóxido de carbono, não contribuem para os altos índices de problemas respiratórios e não poluem as águas. O combustível? É aquilo que você come no café da manhã. Com a matéria prima necessária para fabricar apenas um carro, podem ser produzidas várias bicicletas.


Seguem os links para se visualizar e/ou baixar o documento:

Abraços, Biker

Olá pessoal,

Infelizmente, nós ciclistas estamos sujeitos a esta situação, principalmente se pedalarmos pelas ruas e estradas diariamente, como no meu caso, pedalando para o serviço, ou mesmo em atividades de lazer.

A pedido de um amigo biker, vou relatar o que aconteceu comigo, ao colidir com um veículo que atravessou a minha frente, quando o motorista cruzava a SC-401 (maiores detalhes, clique aqui).
  • A primeira atitude é tentar manter a calma e procurar ver se houve lesão, fratura ou alguma outra coisa;
  • A próxima é acionar a polícia militar (190) e indicar se existe a necessidade de uma ambulância. No caso de acidente com lesão, não deixe de requisitar a ambulância, pois, além do serviço médico que será prestado, a polícia dá prioridade para o atendimento de acidentes com vítimas; No meu caso, um bombeiro que passava pelo local, chamou a ambulância dos bombeiros.
  • Se puder, chame alguma pessoa para lhe ajudar (um parente, um amigo). No meu caso eu não chamei, deixando para fazer isto após ser liberado pelo pronto socorro.
  • Quando chegar a ambulância, serão feitos alguns testes para tentar identificar possíveis fraturas e também se a vítima se encontra em estado de choque ou com alguma lesão séria. No meu caso, senti uma dor muito forte na coxa esquerda, a parte do corpo que sofreu todo o impacto. Me deram a opção de ir para a casa ou me levarem para um pronto socorro, que estava próximo. Também fiquei zonzo por uns 10 min, mas depois melhorei;
  • Na dúvida, vá a um pronto socorro ou hospital para tirar radiografias e se certificar que não possui qualquer tipo de fratura. A ambulância me levou para o Pronto Socorro do Norte da Ilha, onde fui bem atentido e tirei algumas radiografias, não sendo constatada qualquer fratura.
  • Se estiver em condições, faça o Boletim de Ocorrência (BO), no local do acidente. Caso não seja possível, pergunte ao policial qual o posto de polícia ou delegacia que você deverá se dirigir para fazer o BO. Não se esqueça que, FAZER o BO é muito importante. Quando estava no hospital, ligaram da Delegacia e solicitaram algumas informações (nome completo meu e da minha mãe, telefone de contato, endereço) e me alertaram para que passasse na delegacia, para relatar minha versão;
  • Caso você tenha se machucado, provavelmente o policial lhe entregará um documento sobre o Exame de Delito. A partir da data do acidente, você terá até 6 meses para, caso necessário, processar o culpado pelo acidente, solicitando ressarcimento por danos físicos e materiais. Este formulário me foi entregue no momento em que fui buscar o BO;
  • Bicicleta danificada: se o motorista não possuir seguro, você terá que negociar com ele o conserto da sua magrela. Caso tenha, a seguradora é que será responsável por pagar o conserto ou, em caso de perda total, o valor referente a sua bicicleta (abordarei este assunto com mais detalhes em outro post). No meu caso, minha bike não estragou e não tive este tipo de problema. O motorista até se prontificou a pagar por pelo possível conserto, mas não foi preciso.
  • Se você for para o hospital/pronto socorro, precisará pedir alguém para guardar sua bike, pois nem o motorista da ambulância e nem os policiais autorizaram colocar a bicicleta em seus veículos para que a levassem para o pronto socorro. Por sugestão de alguém, solicitei a uma moradora da residência localizada na frente do local do acidente, para que guardasse minha bicicleta. Ela permitiu e guardou a bike até que fui buscá-la.



Dicas para uma Condução mais segura

Infelizmente, estando certo ou errado, numa colisão com um veículo automotor, o ciclista sempre sairá perdendo...

Portanto, o melhor a fazer, é se prevenir e conduzir a bike por você e pelos veículos próximos, sempre tentando antecipar a intenção do motorista: quando ele fizer uma conversão sem sinalização, ao cruzar a sua frente, ao parar de uma só vez, ao abrir a porta do veículo, entre outras situações.

Outras dicas importantes são em relação a dois dos sentidos muito utilizados quando estamos pedalando:
  • Visão: evite usar óculos escuros quando a visibilidade for baixa. Nestes casos, utilize óculos com lentes claras, para evitar que insetos, poeira e até mesmo água venha a colidir com seus olhos;
  • Audição: nunca utilize fones de ouvidos. É muito importante os ruídos do trânsito, permitindo que você fique alerta e saiba o que ocorre próximo a você.
No mais, é rezar para que este tipo de situação nunca ocorra com você ! :)

Abraços, Biker


quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

O ciclismo é uma modalidade que tem crescido bastante e ganhando cada vez mais adeptos dentro das assessorias esportivas. Muitas pessoas têm se interessado bastante e começado a pedalar, por prazer, por variação de estímulos na atividade física, por querer utilizar outra forma de treino para beneficiar-se na corrida, etc.

Mas quais são os benefícios reais do ciclismo? Quais são os cuidados e os riscos?

Essa modalidade é indicada para todas as pessoas, de todas as idades e com qualquer nível de condicionamento físico. É uma atividade que apresenta uma menor sobrecarga nas articulações, se comparada à corrida ou caminhada, diminuindo principalmente a carga sobre a articulação do joelho e da coluna. É uma forma de diminuir o estresse do dia-a-dia, pois há liberação de endorfina e adrenalina que aumentam a sensação de bem-estar. Além disso, é uma forma de treinamento interessante para diversos grupos musculares, que veremos a seguir.

Com a prática da pedalada, por 30 minutos, por exemplo, aumentos significativos na capacidade aeróbica já poderão ser observados após algumas semanas de treinamento. Além disso, ocorrerá também um acréscimo no metabolismo das gorduras, o que além de ajudar na prática do ciclismo, também será importante na corrida.

Seguem abaixo dicas importantes:

- Benefícios da Atividade Física (ciclismo):
  • Melhora do condicionamento físico, dos sistemas cardíaco, respiratório e vascular.
  • O ciclista ganha resistência muscular nas pernas.
  • Gasto calórico alto - de até 600 Kcal/hora.
  • Auxilia na eliminação de gorduras localizadas.
  • Excelente atividade aeróbica e anaeróbica.
  • Reduz o estresse.
- Riscos/Cuidados no Ciclismo:
  • É preciso ter consciência de sua capacidade física. Por exemplo, para encarar subidas deve-se estar bem preparado.
  • O uso de capacetes é fundamental, para evitar bater a cabeça, em uma eventual queda.
  • Há riscos de cortes, torções e fraturas nas pernas e nos braços, em quedas.
- Grupamentos Musculares Utilizados no Ciclismo:
  • Quadríceps
  • Glúteos
  • Abdômen
  • Panturrilha
  • Lombar

É importante saber dosar essa atividade, aumentando gradativamente a intensidade e o volume dos treinos, dando importância aos sinais de seu organismo, como dores, desconfortos, cansaço excessivo, para não sobrecarregar a musculatura e acabar se desmotivando com a atividade.

Outra dica importante é não se descuidar dos equipamentos de proteção como luzes, farol (caso pedale à noite), capacete, luvas, roupas apropriadas, hidratação com squizes próprios para a bike, etc.

O ciclismo, além de ser uma forma de treinamento físico diferente da corrida e da caminhada, ainda oferece diversos benefícios à saúde e à mente. É uma atividade prazerosa e pode ser praticada por qualquer pessoa. Pratique você também!

Por Bruno Fontanelli