Biketech Floripa

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Se você curte pedalar e gosta de matas, cachoeiras, aventuras, então você é um sério candidato a fazer trilhas!

Através das trilhas você pode conhecer lugares lindíssimos, pouco explorados e ainda por cima ter um bom contato com a natureza.

Aqui em Floripa e, no geral em todo o estado, existem inúmeras trilhas, passando por lugares lindos, cachoeiras, chegando em praias, vales, serras, dunas.... Tem para todos os gostos! :)

Abaixo seguem algumas dicas (criadas a partir das dicas existentes no site Guia Floripa e acrescidas com algumas que julgo interessantes) para aqueles que pretendem iniciar-se nesta aventura de pedalar por trilhas:
  1. Comece fazendo revisão da sua bike: freios, lubrificação, câmbio, pneus. Se não tiver conhecimento, leve a um oficina de sua confiança. Caso não conheça uma boa oficina, peça dicas a amigos. Se souber, faça revisão você mesmo.

  2. Acessórios necessários: um bom capacete; kit de reparos de pneu contendo espátulas, bomba de ar, câmara de ar reserva e remendo; garrafa para água e suporte; roupas adequadas: bermudas, luvas e tênis ou sapatilhas; chaves hallen e de porcas; repelente contra pernilongo :).

  3. Um ciclocomputador também é bem-vindo, pois proporciona um controle maior do tempo e da distância pedalada e muitas vezes necessário, especialmente quando você tem uma planilha da trilha, que normalmente possui as indicações do caminho a ser seguido e a distância na qual ele se encontra

  4. Os bons locais para se pedalar são aqueles onde se têm o maior contato com a natureza e que sejam calmos e sem muito trânsito. Especialmente as 'single tracks', trilhas formadas pelos deslocamentos de pessoas, normalmente permitindo somente a passagem de uma bike por vez.

  5. Procure sempre pedalar acompanhado, principalmente em percursos ainda desconhecidos. Até porque não existem mapas confiáveis para territórios inexplorados.

  6. É cada vez mais difícil encontrar um local próximo para se pedalar. Procure outros bikers e clubes e informe-se sobre os locais mais adequados. Uma boa dica é participar de passeios organizados. Outra alternativa é transportar a bike de carro até o início da trilha e pedalar a partir dalí.

  7. A freqüência está diretamente ligada com o quanto você gosta de pedalar e com suas prioridades ou compromissos. Pedalar somente nos finais de semana, às vezes, é a única opção que resta. Procure, contudo, nem que seja por poucos minutos, executar essa atividade umas duas ou três vezes durante a semana.

  8. Disponibilize um tempo adequado para fazer a trilha sem que haja algum compromisso logo em seguida. Assim você poderá aproveitar melhor o passeio e, se acontecer algum imprevisto (furo de pneu, tombo, se perder na trilha :), não se estressará por ficar atrasado.

Seguem alguns links bem interessantes, voltados para você adquirir mais conhecimento sobre as trilhas existentes na região:


  • Trilhas BR - possui informações detalhadas (planilha de navegação, coordenadas GPS, mapas, fotos, etc) das trilhas da região de Florianópolis. Melhor site que encontrei, voltado para bikers que curtem MTB (Mountain Bike).

  • Guia Floripa - um guia completo com muitas dicas e as mais variadas informações sobre as trilhas da Ilha de Santa Catarina. Lista 14 trilhas, mas não possui muitas indicações do caminho a ser seguido e é mais voltado para trilhas à pé.

  • Guia Floripa Mountain Bike - página com dicas para os mountain bikers. Possui detalhes da Trilha da Florestinha

  • Trilha da Praia de Ingleses - página contendo várias trilhas que partem da Praia de Ingleses, contendo dicas, descrições e também com avaliações do grau de dificuldade para bikers.

  • Fuja da cidade - blog de um biker contando sua experiência de um feriadão, onde pedalou por trilhas próximas à Praia do Siriu (em Garopaba-SC). Bem legal!

Espero que curtam estas dicas. Se souber de algum site legal sobre trilhas daqui da região, por favor, me avisem ! :)

0 comentários:

Postar um comentário