Biketech Floripa

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Quanto menor o volume de ar do pneu, maior deve ser sua pressão. Por isso, não se assuste com as altas pressões usadas em pneus de bicicleta: Mountain bikes usam em torno de 40 psi e bicicletas de estrada usam entre 100 e 120 psi, enquanto um pneu de carro usa em torno de 30 psi.

Os limites de pressão tolerados nos pneus da bicicleta são definidos pelo pneu e pelos aros. A câmara de ar não influencia o limite de pressão: ela fica prensada entre o pneu e o ar, e a força resultante na sua superfície é nula (se você inflar uma câmara fora do pneu, ela estoura em torno de 8 psi, devido à expansão excessiva de sua estrutura). Os aros são feitos para tolerar pressões muito acima das aceitas pelos pneus. Portanto, os limites de pressão são definidos principalmente pelo modelo de pneu. Todo pneu indica, na sua lateral, o intervalo de pressões aceitas (Figura 1). No caso do pneu da Figura 1, podemos verificar que o mesmo aceita pressões entre 35 e 65 PSI (Figura 2).

Em Mountain Bikes aro 26 e com pneus com largura entre 1.90 e 2.2, a pressão normal fica em torno de 40 psi. O valor pode ser aumentado ou reduzido de acordo com o terreno ou preferência do ciclista.
Pneus mais cheios...
  • ...furam menos.
  • ...têm menor resistência à rolagem (requerem menos esforço do ciclista).
  • ...fazem a bicicleta ficar mais sensível a imperfeições do terreno, causando trepidações.
Pneus mais vazios...
  • ...furam mais.
  • ...têm maior resistência à rolagem (requerem mais esforço do ciclista).
  • ...oferecem mais tração e segurança em terrenos acidentados.
  • ...amortecem impactos.
Em geral usa-se pressão maior no asfalto, onde não é necessário ter muita tração para superar obstáculos, e pressão menor em trilhas técnicas. Uma bom conjunto de regras para determinar a pressão ideal em pneus de MTB aro 26 foi publicado no site www.pedal.com.br [1]:

Comece com 40 psi e aplique:
  • +5 psi se o pneu for mais estreito que 2.0
  • +5 psi para trilhas secas
  • -5 psi para trilhas arenosas
  • -5 psi para trilhas molhadas ou com raízes e pedras
  • +5 psi se o ciclista pesa mais que 80 kg
  • -5 psi se o ciclista pesa menos que 80 kg
Em bicicletas de speed (ciclismo de estrada) ou triatlo a regra é simples: use a maior pressão que seu pneu suporta. Não há obstáculos e você quer minimizar os furos e a resistência à rolagem.

Calibrando Pneus


Dois tipos de válvulas são usados em câmaras de bicicletas: a válvula Schrader (americana, bico grosso), igual às dos pneus de carro (Figura 3A), e a válvula Presta (francesa, bico fino) (Figura 3B). A válvula Schrader é compatível com qualquer calibrador de posto, mas suporta menos pressão que a Presta, é mais pesada e vaza ar mais facilmente (especialmente a altas pressões). 

A válvula Presta suporta pressões maiores, vaza menos e é mais leve, mas é mais frágil (é fácil quebrá-la ao usar bombas manuais) e requer um adaptador para ser enchida em compressores de posto.

Pneus de Mountain bike com válvula Schrader podem ser enchidos em compressores de posto sem qualquer dificuldade. Todo compressor suporta as pressões em torno de 40 psi, e o pneu tem volume de ar suficiente.

Pneus de Mountain bike com válvula Presta requerem um adaptator (Figura 3C) para serem enchidos em compressores de posto. Para colocar o adaptador, abra a válvula (desrosqueando o pino da válvula), rosqueie o adaptador até o fim, e encaixe o bico do compressor. Em geral, o pino do bico do compressor não alcança a válvula dentro do adaptador para abri-la, e não começa a encher automaticamente. Para forçar o enchimento, aperte o botão "pneu vazio" no painel do compressor. Ao terminar de encher, lembre-se de desrosquear o adaptador e fechar a válvula.

Pneus de speed (ciclismo de estrada) quase sempre usam válvula Presta. O procedimento para enchê-los em compressores de posto é o mesmo descrito acima para MTBs com válvula Presta, com dois grandes poréns: (1) a maioria dos compressores de posto é limitada a 70 psi, pressão inferior aos 100 psi usados na maioria dos pneus e (2) o volume de ar em pneus de speed é muito pequeno, e isto confunde o mecanismo de calibragem dos compressores, que acabam enchendo/esvaziando demais e não convergem para a calibragem selecionada no painel. Muitas vezes o painel até aceita ajustes próximos de 100 psi, mas o compressor é limitado a 70 psi. Se você encontrar um compressor sem limitação, há o risco de explodir pneu e aro caso o compressor encha demais (devido à confusão com o volume de ar). A forma mais correta e segura de encher pneus de speed é com uma bomba manual de chão, com manômetro. Compressores de postos devem ser usados apenas em emergências.

A maioria das bombas de mão funciona com os dois tipos de válvula, mas precisam que uma peça no encaixe do bico seja invertida para alternar entre Schrader e Presta. Ao encher uma câmara com válvula Presta com uma bomba de mão sem o adaptador Presta-Schrader (Figura 3C), tome cuidado para não forçar a válvula lateralmente com a bomba, pois o pino da válvula Presta quebra com facilidade.

Unidades de Pressão


Pressão é uma medida de força por área. A unidade mais comum é libras por polegada quadrada (abreviada lb/pol²). Em inglês, esta unidade épounds per square inch (abreviada psi ou lb/in²). Outras unidades são obar (kgf/cm²) e o Pascal (1 Pa = 1 N/m², e 1 KPa = 1000 Pa) Exemplos: 40 psi = 2.76 bar = 276 KPa, e 100 psi = 6.89 bar = 689 KPa.

Referências


Fonte: Bike FAQ
Categories:

0 comentários:

Postar um comentário