Biketech Floripa

quarta-feira, 23 de março de 2011


Minha definição para o Audax: grande e ótimo passeio por esta ilha maravilhosa, ao lado de muita gente legal!

Aproveite as dicas e veja as razões para se participar desta grande festa!


Razões

Neste link estão as Razões para se fazer o Audax que publiquei no ano passado. Caso você ainda não tenha se decidido ou se tem algum amigo que ainda está na dúvida, não deixe de ler esta postagem.


Dicas

Dicas de Ritmo da Prova

Não encare os 200 km como uma coisa só, afinal você deve parar nos Postos de Controle (PC's) para carimbar o passaporte, então aproveite para se alimentar (haverá comida e bebida) e repor as energias descansando um pouco. Esses PC's estarão distribuídos em média a cada 50 km, sendo 3 durante o percurso. O tempo mínimo de prova é de 6 horas e tempo máximo de 13hs 30min.

Dicas Gerais

Seguem algumas dicas de um ciclista acostumado a pedalar longas distâncias, tendo ganhado várias delas, e inclusive já tendo participado de um Audax 200 em Brasília.

"Bom, de imediato, como a prova é neste final de semana, adianto que você não deve fazer nada diferente do que está habitualmente fazendo. Isto inclui não fazer um treino louco, comidas extravagantes, fórmulas mágicas, mexidas na bike...

Semana de "prova" o volume de "treino" cai muito. Energias devem ser poupadas para o dia. O que você treinar a mais, não melhora nada e vai deixá-lo cansado. Assim, aconselho a não pedalar longas distâncias de bike. No máximo dar umas voltinhas pelo bairro, bem tranquilo, passeando e olhando a paisagem, não passando de 1 hora. Sexta-feira descanso total, e, no sábado, uns 45 minutos passeando também.

Durante a semana, aumente a ingestão de água, sem exageros, tipo 3,5... 4 litros diários. O xixi tem que sair branquinho.

Não invente de comer nada que não esteja acostumado. Semana de "prova" a gente normalmente aumenta a quantidade de carboidratos, incluindo arroz, macarrão (grano-duro), batatas, pães,... Sexta e sábado dá uma caprichada à noite no prato de macarrão, com um atum, franguinho,...

Para a bike, faça uma revisão e confira o pneu e câmara. Use câmaras novas, e, se puder, opte por um pneu mais fino que o borrachudo de MTB. Têm uns de 1.5 muito bons e que diminuem bastante o atrito. São ideais para o asfalto. No MTB, normalmente a gente usa uns 2.0, e com cravos. Se o percurso for somente pelo asfalto, vá com um pneu mais fino (sem ser aqueles 1.0 de speed, muito desconfortável) e sem cravos. Seria interessante que aguentassem também uma pressão maior, tipo 70 lbs, ou mais, para facilitar a rodagem. Nada de mexer na altura do banco e guidão na última hora. Faça a "prova" com a posição que seu corpo já está habituado.

Para a hidratação durante a prova, o básico é levar água/repositores (Gatorade), mas normalmente a organização oferece, assim, duas garrafas são suficientes para ir de um ponto a outro ponto de abastecimento. Já na alimentação, eu normalmente levava sachês de Power Gel ou GU. Têm outros, tipo Exceed, são mais baratos e vagabundos. Um sachê por hora é a recomendação. Adicionalmente, fruta (banana/maçã), um mix de grãos e frutas secas (amendoim/castanha/avelã/passas) e aqueles pãezinhos (bisnaguinhas) com mel ou uma fatia de queijo magro. O importante é comer bem e se hidratar constantemente. Faça a programação de um horário, tipo a cada 10 min uma golada de água (150 ml.) e a cada 30 min um rango (pequenas porções). Não deixe o corpo sentir fome e sede, pois implica em dores, cansaço, vertigens, câimbras.

Têm uns comprimidos para dores do tipo musculares/lombar. Numa boa farmácia você consegue ser bem orientado. Se você sente dores nas costas após certo tempo de pedalo, vale a pena se garantir. Eu nunca precisei...

Cuidado também com o "sentador". Têm gente muito sensível que assa muito, e chega a sangrar. Minha recomendação é evitar sunga/cueca, etc, preferindo usar apenas a bermuda de ciclista, que têm forramento sem costuras que machucam e protegem esta delicada área. Procure usar pomada do tipo Hypoglós (estas que são usadas em bebês) na região que fica em contato com o banco (selim) da bike. Capriche bastante! ☺

No mais, boa prova...

2 comentários: