Biketech Floripa

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015


E logo agora que eu comecei a usar uma sapatilha de encaixe achando que meu rendimento aumentaria bastante... :) Pelo menos é importante na postura correta da pedalada.

O mito de puxar e empurrar o pedal
por HENRIQUE ANDRADE

Acredito que todos nós ciclistas já ouvimos isso e acreditamos com muita força que o ato de pedalar envolve as ações de pedalar e puxar os pedais. Mas a ciência mostra o contrário.

Com o advento de tecnologias e técnicas de estudos para avaliar o ciclismo e a biomecânica dos ciclistas, foi possível observar que na verdade a única ação relevante é a de empurrar o pedal e não a de puxar.




O Dr Jeff Broker (Universidade de Colorado Springs) realizou uma extensa pesquisa tendo como amostra 100 ciclistas profissionais durante 10 anos e avaliou que a “puxada” da pedala é irrelevante na geração de força para a pedalada. Provavelmente você está pensando, assim como eu pensei quando li a pesquisa, que todos nós já ouvimos de praticamente todos os nossos colegas, que a movimento de puxar o pedal é extremamente importante. Mas não é…

De acordo com o estudo, nós, humanos, fomos feitos e programados para responder às adversidades naturais que existiam na época que vivíamos em florestas e não em cidades. Portanto, fomos feitos para fazer força correndo de leões, tigres, cobras, outros homens e etc… Dessa forma, o movimento de pedalar será sempre uma adaptação do movimento de correr, ou seja, fazendo força exclusivamente para baixo.

Vejam na imagem a diferença entre os músculos responsáveis por puxar e por empurrar os pedais. A imagem da esquerda são responsáveis por empurrar, os da direita por puxar. A diferença é gritante.


O maior especialista em Bike Fit do Brasil, Marcelo Rocha, mostra nesse artigo que concorda com a teoria e mostra através de uma ilustração com vetores representando a força exercida no pedal, que não existem força realizada para cima durante a pedalada.

Outra questão relevante que o estudo indica, é que o cérebro humano simplesmente não tem a capacidade de processar em uma cadência elevada o ato de puxar e empurrar o pedal ao mesmo tempo, o cérebro se concentra o movimento principal, o de empurrar.

E além de não gerar efeito relevante na pedalada, o estudo mostra que ficar fazendo força para cima nas pedaladas pode acarretar em lesões como:

  • Dores na Lombar
  • Pressão e dor no quadril
  • Sensação de falta de estabilidade em uma ou nas duas pernas
  • Em casos extremos – Problemas com o nervo ciático.

Lembrando que isso não tira a importância de utilizar a sapatilha, uma vez que ela é extremamente importante na manutenção da posição correta da pedalada, melhora na performance e para evitar lesões.

Não confundam as coisas!

Mais informações: Bike Fitting: The Myth of the Upstroke - by RCUK


Fonte: Pra quem Pedala 

4 comentários:

  1. Como Biólogo (já estudei um pouco a locomoção dos animais) sempre tive essa "dúvida", até porque como o próprio texto mostra, e não fomos "projetados" para fazer esse movimento de "puxada" com força. Para a postura pode ser importante. Usei e uso o clip/sapatilha mas, depois que quebrei o braço retomei as pedaladas sem elas para evitar uma possível queda, como sou um ciclista muito mais urbano do que tudo e, transito muito na cidade, é lógico heheeh,e sou obrigado a parar com certa frequencia acabei optando por "cada vez mais usar menos" a sapatilha.
    Mas o mais importante, é simplesmente pedalar!!!
    Cicloabraços...

    ResponderExcluir
  2. Hehehe, vou ter que pesquisar melhor. NOs tempos de treino eu tbm tinha isso como verdade, sobre puxar e empurrar. Talvez em alguns casos bem específicos como retomada de velocidade, arranque e uma subida mais puxada acredito que a "puxada" da sapatilha seja muito mais relevante. Lembro que uma vez o Della falou sobre uma pesquisa sobre este assunto, lembro dele comentando que os ciclistas profissionais no período de base do treinamento, tiravam os taquinhos e pedalavam normal de tênis para "aprenderem" a ficar sem puxar o pedal, depois voltavam a usar os taquinhos para treinar mais.
    Como educadora física fiquei curiosa e vou pesquisar sobre o assunto!
    Maas ainda acho mais seguro pedalar de sapatilha pois segura mais o pé.

    CicloAbraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal! Valeu pelas contribuições! Já estou no aguardo dos resultados de suas pesquisas para, se possível, poder divulgá-los por aqui! :)

      CicloAbraços!

      Excluir