Biketech Floripa

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Fonte: Blog Free Force

Pedalar é um esporte que vem ganhando cada vez mais força no mundo. Isso é um fato, seja por questões de saúde ou de logística, a cada dia que passa mais pessoas procuram implementar a bike como estilo de vida.

Quando nos iniciamos no mundo da bike, procuramos alguma modalidade de pedal que vá atender da melhor maneira possível nossas necessidades. Por adentrarmos em um novo esporte, passamos a prestar atenção nas competições que existem nesse universo chamado BICICLETA. 

Existem muitas modalidades de competições de bicicleta, cada uma com suas singularidades e regras, e isso pode acabar por confundir e muito a cabeça de um telespectador novato no assunto. Pensando nessa confusão, trazemos para vocês um resumo rápido de algumas das modalidades mais importantes de competições de bike divididos em duas publicações.

CICLISMO DE ESTRADA

Estrada: No ciclismo de estrada os atletas correm com as famosas bikes de speed, extremamente leves, em pelotões, onde aproveitam-se da aerodinâmica dos gregários para vencerem as provas. 

Provas de ciclismo de estrada tendem a percorrer longos percursos (etapas), como nas maiores provas do mundo (Tour de France e Vuelta a España), onde próximo ao fim da prova alguns atletas chamados “Sprinters” se desvinculam do grupo e partem para um ataque buscando a vitória na competição.

Contrarrelógio: Em provas de contrarrelógio, a largada é feita um atleta de cada vez, com espaço de tempo e não sendo permitido um atleta aproveitar-se do vácuo do outro. Ganha quem fizer o percurso em melhor tempo. 

No caso do contrarrelógio a maior diferença nas bikes fica por conta dos aros, que por conta da aerodinâmica são os raios da frente são soldados, enquanto que a roda traseira é fechada. Existem ocasiões onde o contrarrelógio é feito em duplas ou trios.

MOUNTAIN BIKE


Cross Country Olímpico: Conhecido também como XCO, é uma prova em circuito fechado, com descidas e subidas extremamente técnicas e várias voltas onde a distância média final fica entre 30 ou 40 km. 

Todos os competidores largam juntos e o vencedor é quem cruzar a linha de chegada primeiro. 

As bikes de XCO podem ser Hardtail ou Full suspension, com quadros leves, freios a disco hidráulico e cursos de suspensão mais curtos.

Marathon: Chamado de XCM, os ciclistas devem percorrer um percurso relativamente longo, que leva de um ponto a outro podendo ser o mesmo ou não do início da prova. 

Caso o ponto de início e fim da prova seja o mesmo, realiza-se apenas uma volta. 

Muitas vezes pode ser conhecida também por Trip Trail, pois nada mais é que uma viagem através de trilhas e estradas de terra.

Sprint Eliminator: Geralmente disputada em um circuito menor que o XCO, o XCE, como também é conhecido, é uma corrida mais rápida e com mais obstáculos que o cross coutry olímpico, onde o atleta busca o melhor tempo para manter-se na competição. 

Cada atleta dá uma volta rápida para marcar seu tempo oficial e após isso são feitas baterias de 4 atletas onde os dois mais rápidos se classificam para a próxima bateria, até chegar à bateria final, onde os 4 finalistas disputam o pódio.


A segunda parte da matéria será publicada na próxima semana. Sugestões ou criticas, deixe nos comentários ou através do e-mail marketing@grupoforce.net

Categories:

0 comentários:

Postar um comentário