Biketech Floripa

terça-feira, 23 de setembro de 2014

Fonte: Bike é Legal - ESPN

Quem utiliza o aplicativo Maps do Google em alguns países da Europa, América do Norte e Oceania já conta há tempos com a indicação de trajeto por bicicleta, junto aos tradicionais carro, transporte público e caminhada. Mas, recentemente, a empresa adicionou um indicador de elevação, onde o ciclista pode ter acesso aos níveis de altimetria em diferentes trajetos sugeridos pela ferramenta.

Disponível em 14 países por enquanto - Áustria, Austrália, Bélgica, Canadá, Suíça, Alemanha, Dinamarca, Finlândia, Grã-Bretanha, Holanda, Noruega, Nova Zelândia, Suécia e Estados Unidos -, o recurso coloca o Google em vantagem em relação a outros players do mercado que não têm essa opção.

Ao digitar o endereço de origem e destino, o Maps apresenta as melhores opções de trajeto de bike e gráficos de elevações no percurso, junto à distância a ser percorrida nesse trecho. Quando não há ladeiras no trajeto, os novos perfis de elevação não são mostrados.

INFELIZMENTE Não há prazo para o serviço ser disponibilizado no Brasil.


Categories: ,

0 comentários:

Postar um comentário