Biketech Floripa

domingo, 4 de agosto de 2013


O depoimento da coluna Gente que Pedala desta semana foi escrito de uma forma diferente: o biker Eduardo Daniel, ao sair para um pedal dominical, conheceu e conversou com a Dona Alexandrina (que passou ótimos e úteis ensinamentos) e escreveu a história Show de Bike abaixo.

CicloAbraços, Biker


Sair de casa em domingo de manhã para ir ao mercado (de bicicleta, claro) e encontrar uma história como essa no caminho é motivador, inspirador e emocionante. A fibra com que dona Alexandrina defende a bicicleta é uma lição para todos nós. Valeu o final de semana!

As lições de dona Alexandrina
-por Eduardo Daniel-


A cozinheira aposentada Alexandrina de Oliveira tem 61 anos, pedala há 40 e inspira toda sua família no cultivo do amor à bicicleta.

Moradora do Bairro São Bernardo, em Tubarão, no Sul de Santa Catarina, dona Alexandrina que costuma pedalar cerca de seis quilômetros até o centro da cidade, reclama da falta de respeito dos motoristas e da estrutura para os ciclistas.

- É muita velocidade dos carros. Também faltam ciclovias. Como moramos próximo a uma rodovia, é muito arriscado andar de bicicleta em certos dias e horários. Só não ando todos os dias porque os motoristas não nos respeitam. É arriscar a nossa vida, dos filhos e dos netos – relata.

Ainda assim, a viúva que diz que pedalava mais que o marido, aproveita os dias mais calmos para sair com a família de bicicleta e tirar lições para uma vida melhor.

- Nos domingos e nas férias a gente aproveita mais. Não tem tanto movimento. A bicicleta também nos ensina a termos uma vida mais calma. A gente vê os carros a toda velocidade, pra que? De bicicleta aprendemos a viver mais devagar – ensina.

Exemplo do que fala dona Alexandrina é o passeio entre ela, a filha cozinheira Shellen de Oliveira Valgas, 31 anos, e o neto Bruno Valgas Cardoso, de 12. Os três, segundo a matriarca da família, saíram cedinho de casa para visitar o cemitério central.

Para dona Alexandrina a bicicleta ainda traz muitos benefícios para a sua saúde.

- Eu tenho problemas no coração, então a bicicleta me faz muito bem. Outro dia meu dentista me viu no centro, de bicicleta e achou até engraçado. Meu médico também já me viu de bicicleta lá no shopping. Ando de bicicleta por tudo – declara a sorridente ciclista antes de voltar com seus familiares para o passeio.
Categories:

2 comentários:

  1. Fiquei tão feliz em ler este depoimento!
    Parabéns Dona Alexandrina seu exemplo ainda vai movimentar muita gente!
    Ciclo Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí Thaís!

      Depoimento bem legal com ótimos ensinamentos! :)

      Excluir