Biketech Floripa

terça-feira, 23 de abril de 2013


Pedra Branca promove circuito de ciclismo e 
abre temporada esportiva no bairro


Terceira edição da prova nas ruas do bairro-cidade, 
no dia 28 de abril, terá R$ 4 mil em prêmios


Uma competição de ciclismo nos moldes do Tour de France, com atletas de alto nível em meio à bela paisagem do bairro-cidade mais charmoso da região continental da Grande Florianópolis. Esta é a ideia do 3º Circuito Pedra Branca de Ciclismo, que ocorre dia 28 de abril nas ruas da Pedra Branca, em Palhoça, com R$ 4 mil em premiações para os atletas. A prova faz parte da temporada esportiva do bairro, que ainda terá a 3ª Marathon Marcio May Pedra Branca, dia 9 de junho.

De acordo com Maurício Borguetti, diretor de esportes da Associação de Moradores, as ruas da Pedra Branca são propícias à realização da prova. Um dos motivos, segundo ele, é que será possível assistir à largada e à chegada sem deslocamentos. “De qualquer ponto do percurso será possível visualizar a prova”, afirma.

São várias categorias em disputa no percurso de pouco mais de sete quilômetros. O pelotão de elite fará 14 voltas, num total de cerca de 100 quilômetros. “É legal porque as pessoas podem ver a prova, ter a percepção de esforço que um atleta deste nível faz”, destaca.

A organização espera a participação de 200 a 250 atletas, incluindo equipes profissionais e atletas de destaque nacional. “Estamos negociando a vinda do Nilceu Santos, um dos mais importantes ciclistas do país”, revela o diretor. Apelidado de The Flash, o velocista Nilceu é especialista em competições de um dia, como a Prova Ciclística 9 de julho, uma das mais tradicionais do estado de São Paulo, que ele já venceu por duas vezes.

Também foi criada uma categoria de mountain bike, para iniciantes que queiram participar diretamente da prova. Porém, mesmo quem não puder pedalar ainda pode fazer parte de alguma forma. Moradores da Pedra Branca são estimulados a reunirem-se em suas sacadas para saudar e torcer pelos atletas. Os organizadores prometem brindes para os grupos mais animados. “Será uma surpresa”, promete.

Inscrições e mais informações sobre a prova estão no site www.ciclismopedrabranca.com.br.

ATENÇÃO! Inscrições somente até o dia 25/04, quinta feira.

Clique aqui para se inscrever agora!


Paixão pelo esporte

A prova também integra uma estratégia de Maurício Borguetti de despertar a paixão pelo esporte entre os moradores do bairro. Entre as ações está o “Grupo de Pedal”, que se reúne toda quarta-feira, às 20h, e o passeio ciclístico, que ocorre sempre no último domingo do mês. Os ciclistas partem sempre da frente do showroom.

“Nossa intenção é fazer as pessoas saírem de casa e sentirem o ambiente do bairro, estimulando a integração entre os moradores”, explica Borguetti.

Marathon Marcio May é destaque em junho


A segunda competição deste ano é a já tradicional Marathon Marcio May Pedra Branca, prova de Mountain Bike marcada para 9 de junho. Com largada e chegada no bairro, mas com 50 quilômetros de trajeto no entorno, a competição tem “um circuito desafiador para profissionais e bem tranquilo para amadores”, nas palavras de Gean Hoffmann, um dos organizadores. “Dá chance a todos”, garante Hoffmann.

Esta é a terceira edição da prova que, no ano passado, foi eleita a segunda melhor do Brasil em votação promovida pela revista Bike Action, uma das mais importantes do segmento no país. São esperados 620 atletas brasileiros e estrangeiros. “A dois meses do evento, já temos 170 inscrições”, comemora.

De acordo com ele, o cuidado com a estrutura oferecida aos competidores e com um bom trajeto, que valoriza a natureza do bairro, é parte do sucesso da Marathon. “O empreendimento tem 90% dos méritos”, afirma.

As inscrições estão abertas pelo site www.marciomay.com.br.

Clique aqui para se inscrever agora!


Sobre a Pedra Branca



O bairro-cidade Pedra Branca é referência para o mercado nacional em Urbanismo Sustentável e único projeto na América Latina nestes padrões, fugindo do conceito dos condomínios fechados e criando uma comunidade que privilegia o pedestre. Conta com a parceria da ESPB, empresa imobiliária do Grupo Espírito Santo, um dos principais grupos econômicos de Portugal. Estão engajados nesta experiência pioneira no Brasil, onze importantes escritórios de arquitetura e urbanismo, coordenados pela DPZ Latin América com a participação de importantes consultores do Brasil e do exterior. A Arup, uma das maiores empresas de engenharia do mundo, também participa do estudo e planejamento do bairro sustentável. O projeto foi o único da América do Sul selecionado pela fundação do ex-presidente americano Bill Clinton para integrar o Programa de Desenvolvimento Positivo do Clima.

Um comentário:

  1. Uma excelente iniciativa, sem dúvida.
    Oferecer o ciclismo em todos os níveis para a comunidade exerce uma atitude positiva tanto para o iniciante, como para o praticante, o atleta, o veterano e até mesmo para aquele que ainda não levantou do sofá...
    CicloAbraços!

    ResponderExcluir