Biketech Floripa

terça-feira, 31 de julho de 2012

Segue o depoimento e as opiniões, bem interessantes, divulgadas pela Gisella Sardá, uma cidadã consciente e que curte pedalar, bem como o vídeo abaixo: Cidades Amigas das Bicicletas.

Vale à pena ler e refletir sobre este assunto!

CicloAbraços, Biker

Precisamos modificar essa situação absurda em Floripa. 

Hoje pela manhã, subindo o Morro da Lagoa de bicicleta, como faço todos os finais de semana, vi um acidente que tinha acabado de acontecer. Duas crianças, de bicicleta, caíram na curva; pelo que comentavam uma moça que prestava socorro e um rapaz. A menina perdeu parte da testa, o osso ficou exposto e o menino não conseguia se mexer de dor. Como na lagoa acontecia a corrida ‘Volta da Lagoa’, os bombeiros chegaram em 5 minutos. Aliás, eles estão de parabéns! Assim como o soldado Joel, que por sorte passava e prestou os primeiros socorros, fizeram um atendimento impecável!


Minha pergunta é: Até quando acidentes com bicicletas vão acontecer numa cidade, capital do Estado, que tem como grande propaganda turística sua qualidade de vida?


Basta lermos os jornais para saber que ciclistas morrem por todos os cantos da Ilha por, na grande maioria das vezes, imprudência e desrespeito por parte dos motoristas e é claro por FALTA DE CICLOVIAS. Tenho um primo que morreu atropelado por um motoqueiro que fazia uma ultrapassagem na subida da Lagoa. Ele tinha 18 anos, e, estava de bicicleta!


Em todos os países desenvolvidos que visitei, uma das primeiras coisas que observei foi a prioridade dada a este tipo de transporte. Por um lado é sinônimo de saúde, logo economia por parte do governo em termos de despesas públicas, por outro, preserva o meio ambiente de várias formas e torna as pessoas o que elas realmente são: pessoas!


Mudanças são necessárias por parte dos moradores e dos governantes de nossa cidade com urgência, ou logo entraremos no livro dos recordes como a cidade número 1 de acidentes e mortes de ciclistas!!!


Um bom começo: avaliar bem as plataformas de nossos candidatos nas próximas eleições e cobrarmos o que for prometido! Pensar mais coletivamente! Para os que dizem que bicicleta não faz parte de mobilidade pública, recomendo o vídeo: Cidade Amiga das bicicletas!! 


Gisella Fernanda Sardá


0 comentários:

Postar um comentário